Covid-19 nas escolas de Melgaço: 3 professores e 2 alunos com casos positivos. Duas turmas em isolamento profilático


João Martinho


 

A segunda vaga da pandemia Covid-19 já chegou às escolas do concelho. O Agrupamento de Escolas de Melgaço recebeu ontem, 12 de Outubro, duas comunicações da Unidade de Saúde Pública do Alto Minho (USPAM), entre as 17 e as 19 horas, indicando que seriam colocadas duas turmas em isolamento profilático.

Na origem desta decisão está a confirmação de casos positivos de três docentes, um aluno do 1º Ciclo e 1 do ensino profissional, embora este já confirmado e a cumprir isolamento domiciliário “há alguns dias”, avançou a Directora do agrupamento, Paula Cerqueira, a este jornal.

“Não sabemos se é o mesmo foco, a Saúde não nos está a dizer a origem dos focos. Eles frequentam todos o mesmo transporte, mas a [equipa de] Saúde já está a monitorizar e tomar todas as medidas e o Agrupamento dá conhecimento de tudo o que nos chega, depois ficamos calmos à espera que nos dê as orientações que tiver de dar”, ressalvou a Directora.

Paula Cerqueira esclarece que as turmas com recomendação de isolamento profilático “serão acompanhados à distância” durante o período de quarentena estabelecido pela Unidade de Saúde Pública do Alto Minho. “Os professores vão agilizar como acompanhar os alunos”, avançou.

“Todas as situações suspeitas ou positivas que cheguem ao nosso conhecimento, o Agrupamento de Escolas reportará imediatamente à equipa de Saúde distrital”, assegurou a Directora.

O jornal “A Voz de Melgaço” tentou contactar o Delegado de Saúde da USPAM para averiguar se os alunos ou professores que contactaram com os elementos infectados vão ser submetidos a testes PCR ou serológicos, sem sucesso até ao momento desta publicação.